.posts recentes

. WTT - A hora de todas as ...

. Algum dia tinha de aconte...

.arquivos

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.pesquisar

 

.links

Sexta-feira, 27 de Julho de 2007

WTT - A hora de todas as decisões

Os Caps estão nas meias-finais da WTT - Photos by Bill

Necessitavam da vitória e foi o que conseguiram. Os Sacramento Capitals não fraquejaram no jogo decisivo da conferência oeste e venceram fora os Kansas City Explorers, por 21-17, segurando o segundo posto final da conferência, que garante acesso aos playoff da WTT.

Michelle Brito regressou, ao lado de Likhovtseva, às vitórias nesta competição por equipas, derrotando o par Corina Morariu / Jarmila Gajdosova, por 5-3, o que significa que terminou esta fase regular com uma saldo de sete vitórias contra duas derrotas em pares e duas vitórias e uma derrota (excluindo os desaires a meias com Likhovtseva) em singulares. Nada mau para uma estreante e mais nova competidora nesta edição da WTT.

Amanhã (madrugada portuguesa), os Sacramento Capitals voltam a jogar com os Springfield Lasers, na "terra dos Simpsons", na tentativa de repetir a vitória que obtiveram há três dias atrás. Caso o consigam, atingem a primeira final nos últimos 5 anos -perderam nas meias-finais em 2005 e 2006-, numa competição que venceram em 5 ocasiões (1997, 1998, 1999, 2000 e 2002).

 

publicado por Morais às 14:28
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 25 de Julho de 2007

Algum dia tinha de acontecer...

Ao fim de 9 embates, os Sacramento Capitals averbaram a primeira derrota desde a chegada de Michelle Brito à equipa. Frente aos Philadelphia Freedoms (actuais detentores do título), a jogar em casa, os Caps foram incapazes de manter a distância para os Kansas City Explorers, perdendo por 23-17 e comprometendo as aspirações a uma presença nos playoff finais. Michelle Brito voltou a participar na contenda de pares, novamente ao lado de Likhovtseva, mas perdeu, pela primeira vez, por 5-2. Isto na jornada de ontem.

Já hoje, os Capitals regressaram às vitórias e logo contra os líderes da divisão, os Springfield Lasers. A jogar em casa, os invictos Lasers perderam por claros 22-17, tendo Michelle Brito, ao lado de Likhovtseva, participado na única derrota dos Caps. Jogando contra Tamarine Tanasugarn e Andreea Vanc, a dupla luso-russa perdeu, novamente por 5-2, mas a derrota não teve consequências de maior para a equipa.

Amanhã (madrugada portuguesa), os Sacramento Capitals jogam o embate do tudo ou nada, frente aos Kansas City Explorers. Em caso de vitória, avançam para as meias-finais da prova, mas caso percam, ficam em igualdade pontual com os Explorers e aí estarão em desvantagem, dado que venceram o primeiro embate, em casa, por apenas um ponto de diferença. No entanto, dado que os playoff se disputam em Sacramento, casa dos Capitals, terão direito a um wild card (convite), caso este cenário se verifique.

 

publicado por Morais às 12:32
link do post | comentar | favorito

.Visitas

blogs SAPO