.posts recentes

. Wimbledon - Os palcos do ...

. Roland Garros - os palcos...

.arquivos

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.pesquisar

 

.links

Terça-feira, 3 de Julho de 2007

Wimbledon - Os palcos do espectáculo

Vista aérea do All England Club

 

A terceira etapa do Grand Slam disputa-se, conforme já aqui foi abreviadamente referenciado em diversas ocasiões, no All England Lawn Tennis and Croquet Club. O complexo foi fundado em 1868, sendo que o primeiro torneio de ténis de Wimbledon se disputou em 1877, há 130 anos, facto que faz deste evento o mais antigo do mundo do ténis.

Mas até 1922 o torneio era disputado em courts pequenos e apenas por ingleses, tendo o vencedor da edição anterior apenas de disputar a final no ano seguinte, o que tornava a revalidação do título bem mais fácil.

 

Court central do All England Club, visto de cima

 

No entanto, ainda em 1922 foi construído o actual court central, com capacidade para 13810 espectadores, e o torneio foi adquirindo outra dimensão.

 

Vista do court central, no jogo de abertura deste ano

 

Neste court disputam-se os principais encontros do torneio, incluindo o jogo de abertura, disputado impreterivelmente pelo campeão da edição anterior. Para o torneio deste ano, foi completamente removido o tecto que existia no court, uma vez que será construído outro, amovível, para a edição de 2009. A par disto, a capacidade deste palco tenístico será aumentada para 15000 lugares.

 

Vista exterior do court nº1

 

O segundo court mais importante é o court 1. Com capacidade para 11429 espectadores, foi construído em 1997 para substituir o velhinho court 1. É um dos que proporciona uma atmosfera mais agradável, conferindo outra espectacularidade aos encontros que nele se realizam.

 

Vista do interior do court 1

 

Para além destes dois, há também que destacar o court 2, conhecido como "Cemitério dos campeões".

 

Court 2 do All England Club

 

Tem capacidade para 3000 espectadores e foi lá que grandes nomes da modalidade caíram, eliminados às mãos de tenistas bem inferiores. Foi o caso de John McEnroe, Boris Becker, Andre Agassi, Venus WilliamsSerena Williams e, mais recentemente, Pete Sampras (contra George Bastl), naquela que foi a sua última partida, até ver, em Wimbledon, no ano de 2002.

 

Pete Sampras, em acção no court 2, no jogo frente a George Bastl

 

No entanto, o complexo possui mais 16 courts ainda, excluindo os destinados apenas a treinos. Destes, merecem destaque o court 13 e o 18, locais de muitas partidas dos quadros principais masculino e feminino.

 

Vista de alguns dos courts secundários

 

E temos, assim, os dezanove palcos que compõem este belíssimo All England Club, um dos mais antigos e tradicionalistas clubes do mundo e sede deste torneio de Wimbledon.

 

publicado por Morais às 15:20
link do post | comentar | favorito
Domingo, 3 de Junho de 2007

Roland Garros - os palcos do espectáculo

Vista panorâmica do complexo de ténis de Roland Garros

 

A segunda etapa do Grand Slam da temporada tem hoje lugar no complexo de ténis de Roland Garros, em Paris. Mas nem sempre foi assim. Nos primórdios do evento, o torneio era aberto apenas a tenistas franceses, jogando-se, alternadamente, no Racing Club de France e no Stade Français. Em 1925, foram abertas as portas a tenistas oriundos de outros países e, em 1928, fruto do crescimento do torneio, houve necessidade de mudar de casa, tendo sido construído este complexo e o court Philippe Chatrier, cujo nome se deve a um tenista francês e presidente da Federação Francesa de Ténis (FFT) durante 20 anos, entre 1973 e 1993. O court tem capacidade para 15.166 espectadores e é o principal (central) do torneio.

 

Court Phillipe Chatrier, o central em Roland Garros

 

Philippe Chatrier, em 1984

 

Posteriormente, em 1980, construiu-se o actual court nº1, para servir de apoio ao central e fazer frente ao crescente número de adeptos. O court tem capacidade para 3518 pessoas e é apelidado de arena, pela sua forma peculiar, semelhante à de uma praça de touros.

Vista do exterior do court 1

Aspecto interior do court 1

 

Já em 1994 foi construído um outro court, com capacidade para 10068 espectadores. Este viria a ser chamado court Suzanne Lenglen, em homenagem a uma antiga campeã francesa, vencedora de 12 títulos individuais do Gand Slam, entre eles este mesmo torneio por duas vezes, em 1925 e 1926.

 

Aspecto exterior do court Suzanne Lenglen

Aspecto interior do mesmo court

 

Existem ainda outros 13 courts secundários, que perfazem o total dos 16 palcos que compõem este magnífico complexo de ténis de Roland Garros.

 

publicado por Morais às 15:16
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

.Visitas

blogs SAPO