.posts recentes

. Contrastes

. Ténis espectáculo

. Análise das polls - Vence...

. Fotos Open da Austrália

. Ainda o Open da Austrália...

. Anima-se a luta

. O primeiro de "Nole"

. Open da Austrália - foto ...

. Open da Austrália - foto ...

. Open da Austrália - foto ...

.arquivos

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.pesquisar

 

.links

Sábado, 19 de Janeiro de 2008

Open da Austrália - foto do dia 4




No duelo emocionante entre Marat Safin e Marcos Baghdatis, foi este quem levou a melhor, "correndo" para a terceira ronda do Open da Austrália. O cipriota venceu por 6-4, 6-4, 3-6, 2-6 e 6-2.


publicado por Morais às 00:39
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 16 de Janeiro de 2008

Open da Austrália - Foto do dia 2




Imperial. Sabia-se que a tarefa não seria difícil, mas nem por isso o suíço Roger Federer, incontestado número um mundial, facilitou. Despachou o argentino Diego Hartfield, cedendo apenas 3 jogos: 6-0, 6-3 e 6-0. Os adversários que se cuidem...


publicado por Morais às 10:52
link do post | comentar | favorito

Open da Austrália - Foto do dia 1




O desespero de Andy Murray no encontro que ditou a sua eliminação precoce do torneio australiano. O escocês era um forte candidato ao triunfo final, mas não foi capaz de ultrapassar Jo-Wilfried Tsonga, logo na eliminatória inaugural.


publicado por Morais às 10:43
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 14 de Janeiro de 2008

Selecção de 2007


O site espanhol do ATP Tour fez uma selecção das melhores capturas de 2007. Pois bem, resolvi fazer também eu uma nova selecção de fotos a partir dessa selecção inicial e disponibilizá-las aqui, para que todos se possam rir e recordar...

Baghdatis, o brincalhão

Federer - Passo de dança na Masters Cup Xangai'07

Gonzalez, o furacão - Masters Cup Xangai'07

Djokovic - Montagem James Bond

Djokovic no dramático jogo com Baghdatis - Wimbledon'07

Djokovic e Zimonjic - confusão no par da Taça Davis

Roger Federer à sombra

Fúria de Gaudio

Grosjean - Open da Austrália'07

Nadal em Paris

Nadal - Wimbledon'07

Mahut pelos ares - Queen's

Ferrer - Masters Cup Xangai'07

Juan Ignacio Chela - estranho gesto em Viña del Mar

US Open à noite

publicado por Morais às 18:53
link do post | comentar | favorito

Open da Austrália já em andamento


Imagem da renovada Rod Laver Arena, palco principal deste tornsio do Grand Slam

Começou há já alguns minutos o Open da Austrália, primeira prova do Grand Slam da temporada de 2008. Este ano com a imagem renovada, graças à mudança de piso e respectiva cor (para Plexicushion azul), e com os quadros mais fortes dos últimos anos, a prova promete ser mais emotiva e espectacular ainda. É grande a expectativa em torno da forma que apresentarão os tenistas de topo que agoram retomam a actividade e do aparecimento de alguma cara nova, potencial revelação da temporada corrente. Na prova masculina, Roger Federer é o crónico grande candidato a um título que defende, mas a concorrência é muito forte e a sua metade de quadro -inclui Djokovic, Nalbandian, Baghdatis, Berdych, Safin e Hewitt, entre outros- bem mais complicada que a do espanhol Rafael Nadal -inclui Murray, Davydenko e Roddick-, também ele favorito ao triunfo neste evento australiano. Uma questão interessante reside no facto de, pela primeira vez, Nadal poder terminar uma prova como número um mundial, dado que o suíço, líder da hierarquia masculina, defende 1000 pontos neste evento e o maiorquino apenas 250, sendo que a diferença pontual entre ambos no ranking se cifra nos 1400 pontos. Improvável, mas possível. Já na prova feminina, apesar de ser Serena Williams a detentora do título, todas as atenções estarão centradas na belga Justine Henin, ausente na edição transacta. A belga é líder incontestada do ranking feminino e, sem dúvida, a que melhores atributos apresenta para atingir a vitória final. No entanto, terá de estar muito atenta, não só a Serena como também à sua irmã Venus e, entre outras, às russas Maria Sharapova e Svetlana Kuznetsova, à regressada Lindsay Davenport (perdeu apenas um dos 17 encontros que disputou depois de ser mãe) ou às sérvias Ana Ivanovic e Jelena Jankovic. Muito e bom ténis em perspectiva para as próximas duas semanas deste evento de categoria máxima, que oferece mais de 12 milhões de euros em prémios monetários, repartidos equitativamente pelos torneios masculino e feminino.

p.s.: artigo publicada no site Livre Indirecto

publicado por Morais às 01:15
link do post | comentar | favorito
Domingo, 13 de Janeiro de 2008

Frederica, Neuza e Gastão entraram em acção


Frederica Piedade esteve em evidência nos EUA

No panorama nacional, esta semana fica marcada pela entrada em acção de Frederica Piedade -no 25000$ de Tampa Bay-, Neuza Silva -no qualifying do Australian Open- e Gastão Elias, no future de Wesley Chapel, Florida.
O natural destaque vai para Neuza Silva, que testava qualidades na sua primeira aparição num evento do Grand Slam. O sorteio foi aziago para a setubalense, que teve de defrontar Iveta Benesova, 116ª jogadora mundial, na ronda inaugural. E, não obstante a excelente réplica oferecida, Neuza acabou por sucumbir, por 7-6(5) e 6-2, ao cabo de 1h30m de jogo.
Do outro lado do planeta, Frederica Piedade assinou uma fraca performance em singulares, perdendo com Ksenia Pervak na primeira ronda, mas acabou por brilhar na variante de pares, ao conquistar o título com a ajuda da argentina Soledad Esperon.
Por último, foi Gastão Elias quem menos se evidenciou na semana que agora acaba. O tenista da Lourinhã caiu logo de entrada no future americano, às mão do canadiano Milan Pokrajac, que tinha derrotado já no único embate entre ambos, até à data.
Esta semana, é a vez de MIchelle Brito entrar em acção, participando no challenger de Surprise (Arizona), tal como, aliás, Frederica Piedade. Ambas as tenistas terão de jogar o qualifying, tendo em Samantha Powers e Julia Baltas as respectivas adversárias na ronda inaugural.
Já Gastão Elias acabou por não conseguir um wild card para o challenger ATP de Miami, pelo que continua na Florida para a segunda etapa do circuito de futures americano.
publicado por Morais às 20:31
link do post | comentar | favorito

ATP - Vencedores da semana


Kohlschreiber venceu Ferrero e arrebatou o segundo título da carreira

Auckland - Heineken Open 2008

Philipp Kohlschreiber - Juan Carlos Ferrero: 7-6(4) e 7-5



Tursunov acabou com as esperanças australianas em Guccione

Sydney - Medibank International'08

Dmitry Tursunov - Chris Guccione: 7-6(3) e 7-6(4)


Quadro final Auckland'08
Quadro final Sydney'08


publicado por Morais às 18:45
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 8 de Janeiro de 2008

Torneios da semana





Quadros Sydney'08 - Masculino; Feminino
Quadro Auckland'08
Quadro Hobart'08

publicado por Morais às 09:06
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 7 de Janeiro de 2008

Youzhny "cilindra" Nadal; Llodra "abate" Nieminen


Youzhny esteve imperial na vitória sobre um debilitado Nadal Llodra surpreendeu tudo e todos, ao vencer em Adelaide

Chennai Open'08: Mikhail Youzhny v. Rafael Nadal: 6-0 e 6-1

Adelaide International'08: Michael Llodra v. Jarkko Nieminen: 6-3 e 6-4

publicado por Morais às 18:12
link do post | comentar | favorito
Domingo, 6 de Janeiro de 2008

Ainda agora começou...


Moya congratula Nadal no final do épico duelo que hoje disputaram, em Chennai

E já tivemos a oportunidade de assistir a um duelo épico! Fantástica a partida que opôs os espanhóis e conterrâneos Carlos Moya e Rafael Nadal e que terminou com a vitória do segundo, por 6-7(3), 7-6(8) e 7-6(1), nas meias-finais do torneio de Chennai. Um daqueles encontros que tanto apreciamos: muito bem jogado de parte a parte, com muito público a assistir e com emoção a rodos.


Factos relevantes da partida

- A duração deste encontro (3:54h) iguala a anterior marca máxima para uma partida à melhor de três sets. Também Andrei Cherkasov e Andrea Gaudenzi jogaram durante igual período de tempo, em Tel Aviv'93, numa partida vencida por Cherkasov, por 6-7(6), 7-6(2) e 7-5.
Curiosamente, nenhum destes encontros se disputou em terra-batida, a superfície onde geralmente as "batalhas" se prolongam por mais tempo.

- Nadal converteu apenas 2 dos 17 break-points de que dispôs, ao passo que Moya lhe conseguiu quebrar o serviço nos dois jogos em que teve oportunidades para tal (com aproveitamento de 50%);

- Nadal salvou quatro match-points, todos no tie-break da segunda partida e, mais tarde, ainda se viu a braços com uma desvantagem de 3-5 na "negra";

- Moya viu quebrada a sua impressionante série de 17 tie-breaks vencidos consecutivamente numa partida decisiva. A proeza começou a ser "construída" no encontro que o opôs ao argentino Agustin Calleri, em Viena'02 (vitória por 6-3, 2-6 e 7-6(7)) e terminou com a vitória  (3-6, 7-5 e 7-6(6)) sobre Tomas Berdych, em Hamburgo'07. Uma marca que perdurará, certamente, por bastante tempo mais.


publicado por Morais às 01:30
link do post | comentar | favorito

Murray conquista Doha


Murray começou o ano da melhor maneira, melhorando a sua performance (finalista) no torneio de Doha

O tenista escocês Andy Murray venceu, hoje, o torneio de Doha, o mais importante dos três eventos ATP a decorrer esta semana, e tornou-se no primeiro líder da Corrida dos Campeões de 2008.
Numa final para a qual partia com algum favoritismo, o escocês voltou a dar boa conta de si e venceu o suíço Stanislas Wawrinka, por 6-4, 4-6 e 6-2.
Ainda assim, na minha opinião, nem tudo são rosas e daqui envio uma palavra reprovadora para a atitude que Murray por vezes adopta.
É certo que o escocês não rara vez consegue pontos inacreditáveis e reviravoltas (dentro de um dado ponto) espantosas, mas fica no ar a ideia que, em determinadas alturas, Murray facilita em demasia e adopta uma atitude displicente em court. Viu-se isso hoje, já se tinha visto também com Rainer Schuettler e tal não é, obviamente, positivo.
Não discordo que é complicado manter sempre a mesma intensidade tenística ao longo de todo um encontro, mas baixá-la a ponto de entregar de bandeja alguns jogos também não me parece a decisão mais acertada e acarreta, seguramente, maior desgaste físico e psicológico do que o que seria necessário.
Repense o escocês esta atitude e, com a capacidade técnica e táctica que tem, poderá ser um caso ainda mais sério no panorama do ténis mundial.
Este foi o quinto título da carreira de Murray e, acredito, o primeiro de muitos que conquistará este ano.

Quadro final Doha'08

publicado por Morais às 01:09
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 2 de Janeiro de 2008

Calendários de provas 2008


Para além dos 5 eventos do circuito profissional que têm lugar esta semana, muitos outros se disputarão ao longo das próximas 50 deste ano de 2008. Para ver, abaixo.

Calendário 2008 ATP (inclui challengers e futures)
Calendário 2008 WTA

publicado por Morais às 19:11
link do post | comentar | favorito

.Visitas

blogs SAPO