Porto

.posts recentes

. Contrastes

. Ténis espectáculo

. Actualidade

. Análise das polls - Vence...

. Aconteceu esta semana (28...

. Bolamarela - Crónica de C...

. Karatantcheva imparável

. Poll Sampras

. Fotos Open da Austrália

. Ainda o Open da Austrália...

.arquivos

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.pesquisar

 

.links

.Stats

Sábado, 30 de Junho de 2007

Wimbledon - Dia 6 em imagens

 Último dia da primeira semana do torneio de Wimbledon. Ao invés de um dia solarengo, de bom ténis, voltaram a fazer-se sentir as limitações do clima britânico. O dia começava mal.

 À falta de outros motivos de interesse, os espectadores voltaram-se para tudo o que os pudesse entreter. Uns optaram por ler sobre a agitação de ontem na capital...

 Outros aproveitaram para espalhar alegria, fazendo a festa sem que grandes motivos houvesse para tal. De louvar, a boa disposição espectadores.

No entanto, cerca de três horas depois, foi possível destapar os courts e começar a jogar. 

 Amélie Mauresmo aproveitou bem o pouco tempo que houve e eliminou a italiana Mara Santangelo, demonstrando uma solidez e uma versatilidade de jogo impressionantes. Talvez a que tem apresentado um ténis mais atraente, a francesa.

 A par de Mauresmo, Maria Sharapova foi a única a poder terminar o seu encontro. Defrontou a japonesa Ai Sugiyama, vencendo por duplo 6-3.

 A austríaca Tamira Paszek, de 16 anos, tem sido uma agradável surpresa neste torneio. A chuva interrompeu o seu encontro frente à russa Elena Dementieva, numa altura em que tinha já perdido o primeiro set, estando na frente no segundo.

Também Venus Wlliams, Svetlana Kuznetsova, Ana Ivanovic, Nicole Vaidisova e Nadia Petrova viram os seus encontros serem interrompidos, tendo agora de aguardar pela próxima segunda-feira para os concluirem, por força do tradicional dia de descanso de amanhã.

 

 

Resultados do dia:

 

Singulares femininos

 

Ordem dos jogos - Dia 7 (Segunda-feira)

 

publicado por Morais às 21:10
link do post | comentar | favorito
|

Frederico Gil despede-se nas meias

O português Frederico Gil foi afastado nas meias-finais do challenger de Reggio Emilia pelo francês Olivier Patience, perdendo por 6-3 e 6-4. Um break em cada set bastou para o gaulês fazer valer a sua superioridade e igualar Gil no confronto directo (agora em 1-1).

Apesar da derrota, o português teve uma boa semana e já defendeu os pontos conquistados em igual período da época passada, o que lhe deverá valer uma pequena subida no ranking mundial.

 

publicado por Morais às 19:15
link do post | comentar | favorito
|

Gil de volta às boas prestações

O português Frederico Gil está, finalmente, de volta às boas prestações em torneios challenger. Esta semana, em Reggio Emilia (35000$), já está nas meias-finais, depois de bater, consecutivamente, o qualifier belga Steve Darcis, o sérvio Viktor Troicki e o espanhol Marc Lopez, que abandonou, por lesão, o encontro dos quartos-de-final. O senhor que se segue é o francês Olivier Patience, o tal que derrotou Nikolay Davydenko no Estoril Open e forçou Novak Djokovic a cinco sets em Roland Garros. O encontro do português poderá ser acompanhado aqui, a partir das 18:30h.

Nota de realce também para um outro português. Rui Machado está de volta aos courts, após um ano a debelar uma lesão, tendo participado no future de Málaga. Em singulares, foi batido na segunda ronda, mas em pares, ao lado de Gonçalo Nicau, conquistou o título. Bom regresso de Rui Machado, que segue agora para Alicante, para participar em mais um future espanhol.

 

publicado por Morais às 14:05
link do post | comentar | favorito
|

Wimbledon - Sorteio do quadro de juniores

 

Sorteio aziago para a portuguesa Michelle Larcher de Brito que, nesta estreia no quadro júnior de Wimbledon, terá de defrontar a actual líder do raking mundial, a russa Anastasia Pavlyuchenkova, logo na primeira ronda. Não que Michelle não seja capaz de ultrapssar esta dificuldade, porque acredito que seja, mas não seria certamente esta a adversária mais desejada. Pavlyuchenkova já jogou, este ano, no All England Club e foi batida, na primeira ronda do quadro feminino sénior, pela eslovaca Daniela Hnatuchova, por claros 6-0 e 6-1. Para além disto, caiu surpreendentemente na primeira ronda do quadro júnior do ano transacto, factos que poderão conferir um alento extra a Michelle Brito, nesta árdua tarefa que se avizinha.

Quanto a Gastão Elias, o jovem português teve, até ver, melhor sorte. Na ronda inaugural defrontará o polaco Mateusz Szimigiel, um jogador que conta com apenas uma vitória num torneio do Grupo 2 e outro num Grupo 4 no seu palmarés.

Assim, de Michelle Brito espera-se o melhor possível e de Gastão "exige-se" melhor que o que fez no último torneio do Grand Slam, em Roland Garros.

 

publicado por Morais às 11:50
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Sexta-feira, 29 de Junho de 2007

Wimbledon - Dia 5 em imagens

Estes foram os protagonistas do quinto dia do torneio de Wimbledon, fazendo a sua aparição num dos courts do All England Club. Depois de um momento de descontracção, foram retirados do recinto e a partida pôde prosseguir. 

O suíço Roger Federer jogou com o russo Marat Safin, no encontro mais aguardado do dia. Sabia-se do perigo que Safin poderia ser, mas foi Federer quem sorriu no final da contenda. 

Safin exasperado, no decorrer do duelo com o nº1 mundial. 

 Andy Roddick recorreu a toda a sua garra para recuperar da desvantagem no terceiro set do encontro que o opunha ao espanhol Fernando Verdasco. O americano consegui vencer, em apenas três partidas.

 Tommy Haas venceu, demonstrando apurada forma, o russo Dmitry Tursnunov e vai agora enfrentar Roger Federer, na tentativa de apurar-se para os quartos-de-final.

 Juan Carlos Ferrero, depois de ter entrado a perder neste torneio (o checo Jan Hajek roubou-lhe os dois sets iniciais no embate da primeira ronda), está agora a adquirir a sua melhor forma e está já nos oitavos-de-final, onde defrontará o sérvio Janko Tipsarevic.

 No duelo mais espectacular do dia, aquele que opôs Fernando Gonzalez (foto) a Janko Tipsarevic (o tal que defrontará Ferrero), houve muita emoção (terminou a 8-6(!) na "negra"), aliada a pontos espectaculares, factos que tornaram este encontro num dos mais vistosos da semana.

 Tipsarevic levou a melhor e apurou-se, pela primeira vez na carreira, para os oitavos-de-final de um torneio do Grand Slam.

 Gonzalez, favorito à partida, descarregou toda a sua frustração na hora da derrota. O chileno perdeu uma boa oportunidade de, pelo menos, igualar o seu melhor registo aqui em Wimbledon (QF).

 No sector feminino, a surpresa do dia foi a americana Laura Granville, que derrotou a ex-campeã (1997) Martina Hingis, em pouco mais de uma hora.

 Hingis foi mais uma vítima do "cemitério dos campeões" (nome atribuído ao court 2 do complexo) e, no final, mostrou-se arrependida de ter jogado Wimbledon, por ainda não se encontrar totalmente recuperada da lesão na anca que tem vindo a afectar a sua temporada.

 A eslovaca Daniela Hantuchova carimbou a passagem à quarta ronda, livrando-se da sempre difícil Katarina Srebotnik. No entanto, seguidamente defrontará a mais nova das irmãs Williams, Serena, num encontro de elevado grau de dificuldade.

 Também Jelena Jankovic passou à fase seguinte, mas, desta feita, com grandes dificuldades. Derrotou a checa Lucie Safarova, em três renhidos sets.

 Quem tem surpreendido e muito é Patty Schnyder. A suíça nunca antes tinha passado da terceira ronda, mas este ano, com três vitórias na "negra", já está nos oitavos-de-final. Até onde poderá ir esta talentosa esquerdina?

 

 

Resultados do dia:

 

Singulares masculinos

Singulares femininos

 

Ordem dos jogos - Dia 6

 

publicado por Morais às 21:24
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quinta-feira, 28 de Junho de 2007

Wimbledon - Dia 4 em imagens

Quarto dia de torneio em Wimbledon e jornada repleta de sol e de boas partidas.

 No court reinava, como pode ver-se, a boa disposição por entre os inúmeros fãs que se deslocaram ao All England Club.

 O espanhol Rafael Nadal foi um dos vencedores do dia. Aqui, em acção frente ao austríaco Werner Eschauer. Vitória fácil, por 6-2, 6-4 e 6-1.

 O russo Marat Safin também se saiu bem do encontro frente ao paquistanês Aisam-Ul-Haq Qureshi, vencendo em três partidas. No entanto, o seu próximo adversário dá pelo nome de Roger Federer, o que parece ser um obstáculo intransponível. Mas, como o próprio Federer admitiu, "Safin é um jogador que, num dia bom, pode ganhar a seja quem for". Amanhã se verá.

 Marcos Baghdatis, o simpático cipriota, também garantiu lugar na terceira ronda, fruto da vitória sobre o francês Nicolas Devilder. Na sua segunda preseça em Wimbledon, o cipriota continua a revelar excelentes dotes para o ténis de relva.

 Outros dos que têm revelado boa forma neste torneio britânico é o carismático sérvio Novak Djokovic. Desta vez, a vítima foi o americano Amer Delic.

 Pior sorte teve Tim Henman, aquele em que todos os ingleses centravam atenções. Depois de uma recuperação espectacular de 2-0 para 2-2 em sets, o britanico deixou escapar uma excelente oportunidade para seguir em frente, perdendo na "negra".

 Mérito de Feliciano Lopez, que se mostrou muito concentrado e jogou um ténis de elevadíssimo nível.

 Henman deixou o central debaixo de aplausos e prometeu voltar à carga no próximo ano.

 Quem conseguiu consumar a reviravolta na sua partida foi o surpreendente russo Nikolay Davydenko. Com um estilo de jogo pouco talhado para esta superfície, o tenista de leste tem sabido adaptar-se bem e foi autor de uma espectacular remontada, vencendo o australiano Chris Guccione.

 Também Guillermo Cañas, especialista em superfícies mais lentas, está na terceira ronda. Mas o senhor que se segue é, nada mais nada menos, o australiano Lleyton Hewitt. Não muito boas, portanto, as perspectivas de ir mais longe neste torneio.

 Sebastien Grosjean, antigo semi-finalista aqui (2003 e 2004), confirmou estar a atravessar um mau período na sua carreira. Caiu, na segunda ronda, frente ao sueco Robin Soderling.

 Já Tommy Haas parece estar de regresso à boa forma, depois da lesão que o manteve afastado dos courts por largo período, e bateu o checo Tomas Zib.

Também Lleyton Hewitt se tem revelado muito eficaz e resolveu o "problema" chamado Simone Bolelli, ultrapassando o italiano com muita facilidade. 

Por fim, Jarkko Nieminen caminha a passos largos para o reencontro com Rafael Nadal. Caso vença o russo Mikhayl Youzhny e nadal ultrapasse Robin Soderling, voltarão a enfrentar-se, desta vez nos oitavos-de-final do torneio. 

 No lado das senhoras, Amélie Mauresmo necessitou de apenas 51 minutos para bater a austríaca Yvonne Meusburger e demonstrou estar preparada para a defesa do título.

 Ana Ivanovic tem mostrado grande determinação e pretenderá repetir uma final do Grand Slam, num torneio em que já foi vice-campeã, na variante júnior.

 Venus Williams conseguiu, desta feita, uma vitória mais tranquila. Hana Sromova foi a vítima de uma jogadora que está em claro crescendo e poderá ser mesmo uma perigosa adversária.

 Por último, também a russa Sharapova, usando o seu vestido inspirado no "Lago dos Cisnes", "voou" para a vitória frente à surpreendente quarto-finalista da edição transacta, a francesa Severine Bremond.

 

Resultados do dia:

 

Singulares masculinos

Singulares femininos

 

Ordem dos jogos - Dia 5

 

publicado por Morais às 23:59
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 27 de Junho de 2007

Wimbledon - Dia 3 em imagens

Novo dia em Wimbledon e, à partida, as previsões quanto ao tempo não eram famosas. Como pode ver-se, foram prevenidos os espectadores britânicos, bem acostumados ao clima detestável do país.

E, com efeito, foi muita a água que caiu. Os espectadores tiveram de abrigar-se da maneira possível desta chuva que, a partir do meio da tarde londrina, não deu tréguas.

 Andy Roddick, um dos primeiros a entrar em acção, conseguiu, no entanto, escapar à intempérie e derrotou o tailandês Danai Udomchoke, em três partidas.

 Quem também seguiu em frente foi Fernando Gonzalez. O chileno, bem habituado à relva de Wimbledon, foi mais forte que o colombiano Alejandro Falla.

 Já o "branquinho" Roger Federer viu a sua partida ser interrompida, em definitivo, por volta das 16h, numa altura em que liderava, confortavelmente, o encontro que o opunha ao argentino Juan Martin del Potro. Bem encaminhado, então, para a sua 50ª vitória consecutiva sobre a superfície de relva.

 O britânico Tim Henman também entrou em court, mas apenas por breves minutos, dado que o seu encontro da segunda ronda, contra o espanhol Feliciano Lopez, foi interrompido quando o marcador mostrava um 1-1 no primeiro parcial.

 No lado das senhoras, Justine Henin carimbou passaporte para a terceira ronda, derrotando a russa Vera Dushevina, por 6-0 e 6-4.

Martina Hingis, depois de ter estado à beira da eliminação aqui, conseguiu ontem uma confortável vitória.

Contrariamente, Serena Williams voltou a sentir dificuldades. No entanto, a americana encontra sempre uma maneira de ultrapassá-las e, desta feita, foi a australiana Alicia Molik quem ficou pelo caminho.

 Também Ana Ivanovic seguiu em frente, mas para a segunda ronda, vencendo, num dos encontros em atraso, Melinda Czink, por 6-0 e 7-6(7-3).

 A irmã mais nova de Marat Safin, a russa Dinara Safina, garantiu igualmente presença na segunda ronda, depois de uma difícil vitória sobre a ucraniana Kateryna Bondarenko. Vai agora defrontar a japonesa Akiko Morigami.

 

Resultados do dia:

 

Singulares masculinos

Singulares femininos

 

Ordem dos jogos para o 4º dia 

 

publicado por Morais às 19:17
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Terça-feira, 26 de Junho de 2007

Wimbledon - Dia 2 em imagens

 Em dia de actuação de Tim Henman, todas as orações britânicas lhe foram úteis para levar de vencida o espanhol Carlos Moya. Este fã incondicional muito sofreu, mas pôde sorrir no final.

 Depois de muita luta, Henman venceu por 13-11 na quinta partida e garantiu acesso à segunda ronda.

 Os dois jogadores cumprimentam-se amigavelmente no final da contenda, num gesto de grande desportivismo.

 Quem também esteve na ordem do dia foi Rafael Nadal. O espanhol tornou fácil o encontro da primeira ronda frente ao americano Mardy Fish, vencendo em três sets.

 Imagem típica dos jogos de Nadal. Um gesto que o espanhol repete, consecutivas vezes, antes de executar o golpe de serviço.

 Marat Safin venceu também e está na segunda ronda, certamente com o pensamento na possível partida da terceira, contra Roger Federer.

 Lleyton Hewitt demonstrou toda a sua garra e derrotou o tenista da casa Richard Bloomield. O australiano é um sério candidato à vitória final no torneio, ele que já venceu no All England Club, em 2002.

 Novak Djokovic revelou também excelente forma e pode ser um perigoso outsider.

 O francês Nicolas Mahut, que esteve muito próximo de vencer o torneio de Queen's, averbou mais uma vitória, desta feita frente ao seu compatriota Arnaud Clement. Quatro sets bastaram para somar a quarta vitória nesta etapa do Grand Slam, uma vez que vem do torneio de qualificação.

 Jonas Bjorkman, semi-finalista da edição transacta, derrotou o espanhol Fernando Vicente e segue também em frente.

 James Blake executa um excelente vólei. Talvez tenha estado aqui a chave do sucesso no jogo com o russo Igor Andreev. Pelo menos no vólei esteve bem melhor. Venceu por 6-3, 6-4 e 6-4.

 Igor Andreev tentando imitar Boris Becker. Sem sucesso.

 Maria Sharapova estreou-se hoje num torneio que venceu há três anos atrás. Conseguirá repetir o feito?

 Hoje teve tarefa relativamente fácil, mas tempos mais duros se avizinham.

 Por último, Venus Williams também segue para a ronda seguinte, mas o seu jogo esteve longe da perfeição, tendo sofrido muito para derrotar a russa Kudryavtseva. Mau augúrio?

 

Resultados do dia:

 

Singulares masculinos

Singulares femininos

 

publicado por Morais às 21:29
link do post | comentar | favorito
|

Wimbledon - Dia 1 em imagens

Como é já tradição, num torneio de tradições, a chuva voltou a aparecer e fez alguns estragos no primeiro dia de torneio.

Ainda assim, quase 14 mil espectadores encheram por completo as bancadas do court central, para assistir ao encontro do campeão em título, o primeiro de todos, como manda a tradição.

E já que falamos de tradição, Roger Federer cumpriu com a obrigação (tradição, a quanto obrigas) e vestiu-se a rigor, todo de branco. Os jogadores são obrigados a usar pelo menos 70% de roupa de cor branca.

Mais a sério, o suíço nº1 mundial, não facilitou e mostrou que estava ali era para despachar o assunto rapidamente. Venceu o azarado Teimuraz Gabashvili, por 6-2, 6-4 e 6-3.

Quem também resolveu bem o seu encontro da primeira ronda foi o norte-americano Andy Roddick, que derrotou, por 6-1, 7-5 e 7-6(7-5) o seu compatriota...

Justin Gimelstob, que bem se esforçou, de nada lhe valendo, contudo, as imitações de Boris Becker. Na foto, o famoso vólei em suspensão, que tão bem executava o alemão.

Fernando Gonzalez foi outro dos apurados para a segunda ronda. Apesar das maiores dificuldades sentidas, voltou a derrotar o americano Robby Ginepri, como fizera em Queen's, há duas semanas atrás.

No plano feminino, Justine Henin livrou-se facilmente da adversária da primeira ronda, vencendo por claros 6-3 e 6-0.

Já o mesmo não pode dizer Martina Hingis, que teve de suar muito para bater a inglesa Naomi Cavaday, salvando pelo meio dois match-points. No final, a vitória sorriu à suíça, por 6-7(1-7), 7-5 e 6-0.

Patty Schnyder apanhou também por um grande susto, frente à francesa Camille Pin, saindo vitoriosa apenas na terceira partida e por 8-6!

Por fim, o favorito da casa, Tim Henman, não pôde concluir o encontro mais esperado do dia, frente a Carlos Moya, apesar de ter disposto de quatro pontos para fazê-lo. Aqui, a sua resposta ao serviço típica de direita.

Moya, um especialista em terra batida, aguentou-se bem e levou a decisão do encontro para o segundo dia de prova.

Isto porque, ao fim de mais de 3 horas de encontro, não havia luz suficiente para prosseguir. Ambos estiveram de acordo neste aspecto, quando o resultado fixava 5-5 na "negra".

 

Resultados do dia:

 

Singulares masculinos

Singulares femininos

 

publicado por Morais às 15:30
link do post | comentar | favorito
|

Wimbledon - cobertura do evento

Sendo a Sporttv quem faz o acompanhamento deste torneio de Wimbledon para Portugal, não será fácil a quem queira seguir as emoções do evento mais de perto poder fazê-lo, a menos que tenha o canal à disposição ou teste as alternativas enunciadas neste site, na secção "outros desportos".

Para além deste veículo de informação, há ainda a considerar o site oficial, que possui, para além das notícias mais frescas sobre o evento, uma secção dedicada aos resultados ao vivo e ainda disponibiliza uma outra tecnologia, denominada Point Tracker, para quem queira seguir as jogadas de um desafio com maior detalhe.

 

publicado por Morais às 01:35
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 25 de Junho de 2007

Wimbledon - Hawk-Eye

Contrariando todas as previsões, os organizadores do torneio de Wimbledon, conhecido por ser aquele onde imperam tradições seculares, resolveram, este ano, implementar a tecnologia Hawk-Eye ("olho de falcão") nos courts central e nº1, por forma a que os tenistas possam dissipar todas as dúvidas quanto à validade das jogadas mais duvidosas. E mais, cada jogador(a) terá mesmo direito a solicitar a "intervenção" do Hawk-Eye na decisão do ponto por três vezes em cada set, ao contrário das duas em vigor em outros torneios! Como diria John McEnroe "you can't be serious"!

Esta decisão da organização do mais antigo torneio do mundo apanhou a todos, jogadores e adeptos, de surpresa, mas é uma prova clara de que, sem abandonar os princípios tradicionais pelos quais o torneio se rege, também é possível modernizar e acompanhar o evoluir da modalidade.

Para mais informações sobre a tecnologia Hawk-Eye, é favor seguir os links abaixo, que os guiarão a páginas de informação mais detalhada sobre este elemento que está agora a dar os primeiros passos no circuito mundial.

 

Página oficial do Hawk-Eye

Página da Wikipédia

Página com informação documentada

 

 

NOTA: a foto está um pouco escura, mas quis aproveitar uma que tirei aquando da minha ida ao Masters Series de Madrid. Já vi isto a funcionar ao vivo...não que seja algo espectacular mas é inovador.

 

publicado por Morais às 22:08
link do post | comentar | favorito
|

Wimbledon - O início

Tem hoje início a 121ª edição do torneio de Wimbledon, terceiro Grand Slam da temporada tenística. São 256 os jogadores e jogadoras que, distribuídos equitativamente pelos quadros masculino e feminino, competirão pelo tão almejado troféu e, sobretudo (sejamos realistas), pelo magnífico prize-money que o torneio oferece, qualquer coisa como 1100000 euros para os vencedores!

Roger Federer e Amélie Mauresmo são os campeões em título e talvez tenham o favoritismo do seu lado (sobretudo Federer), mas terão batalhar muito se quiserem voltar a impor-se na relva deste torneio britânico, um dos mais prestigiados do mundo.

 

publicado por Morais às 18:57
link do post | comentar | favorito
|

.Site amigo

Bolamarela

.Visitas

.Online

hit counter
blogs SAPO